FILMES E SÉRIES

Juancho Hernanhomez e Adam Sandler

Divulgação/Netflix

FILME DA NETFLIX

Arremessando Alto: Adam Sandler brilha longe de comédias outra vez

Eternizado em Hollywood por seus papéis em comédia, Adam Sandler volta a brilhar em um filme de drama com Arremessando Alto

André Zuliani

Eternizado em Hollywood por seus papéis em comédia, Adam Sandler já provou mais de uma vez o seu valor como ator em produções dramáticas. Seu vasto currículo conta com títulos muito elogiados, como Embriagado de Amor (2002), Reine Sobre Mim (2007) e Joias Brutas (2019). Com Arremessando Alto (2022), novo filme da Netflix, ele mais uma vez volta a brilhar longe do gênero que o consagrou.

Para Sandler, Arremessando Alto é quase um projeto passional. Declaradamente fã de basquete, o ator de 55 anos faz do longa a sua carta de amor ao esporte, um dos mais populares nos Estados Unidos.

No longa, Sandler interpreta Stanley Sugarman, ex-promessa do basquete que perdeu a sua grande chance na NBA após um grave acidente lhe impedir de jogar em alto nível. Três décadas depois, ele trabalha como olheiro do Philadelphia 76ers em busca de um novo astro que possa ajudar a equipe a conquistar o título da NBA.

Apesar de ter moral no mercado, Stan guarda o sonho de se tornar técnico profissional. Quando Rex Merrick (Robert Duvall), dono do time, o promove a assistente técnico, ele se vê muito mais próximo de atingir o seu objetivo. O mandatário, no entanto, morre pouco após a decisão.

Com a morte de Merrick, Vince (Ben Foster), seu filho mais velho, assume a liderança da equipe e logo rebaixa Stan de volta a função de olheiro. Para que ele volte a sonhar com o posto de assistente técnico, ele tem uma condição: encontrar um jovem que seja capaz de dar um novo rosto à equipe e trazer esperanças de título no futuro.

Adam Sandler e Kenny Smith

Adam Sandler e Kenny Smith

Divulgação/Netflix

É nesta jornada que Stan encontra Bo Cruz (Juancho Hernangomez, jogador profissional que estreia como ator), jovem espanhol de 22 anos cujo talento para o basquete o coloca no mesmo nível dos grandes astros da NBA. O problema é que o garoto é pai solteiro e se limita a jogar nas ruas da Espanha para manter-se próximo à filha. Com o seu futuro em xeque, Stan vê no rapaz a grande oportunidade de conquistar o seu sonho.

Arremessando Alto não reinventa a roda

Entre muitas opções de filmes sobre histórias de superação no esporte, Arremessando Alto não reinventa a roda. A jornada de aproximação e superação enfrentada por Stan e Bo já foi contada e recontada inúmeras vezes, sempre com elementos que aumentam a carga dramática entre um e outro. Apesar disso, o longa dirigido por Jeremiah Zagar funciona perfeitamente.

Para os fãs de basquete, o longa é um retrato fiel de como funciona os bastidores de um esporte que movimenta milhões em dinheiro. Não poderia ser diferente, já que LeBron James, um dos grandes astros da história da NBA, é envolvido no projeto como um dos produtores executivos. Além disso, há inúmeras aparições de lendas do basquete norte-americano, da antiga e nova geração.

Arremessando Alto não funcionaria sem uma boa química entre Sandler e Hernangomez, e a dupla entrega uma dinâmica tão marcante quanto Tom Cruise e Cuba Gooding Jr. em Jerry Maguire (1996), referência entre filmes sobre esportes. Embora o jogador seja quase monossilábico, a atuação de Sandler cria o carisma necessário para que o público compre a conexão entre mentor e aprendiz.

Como drama, Arremessando Alto é mais um grande acerto na carreira de Adam Sandler e um dos filmes mais impactantes do ano. Para os fãs da modalidade, o longa da Netflix é uma celebração do esporte que conquistou corações em todo o mundo.

Juancho Hernanhomez e Adam Sandler

Arremessando Alto

Assista ao trailer

Cartaz

Arremessando Alto

Drama
12
Direção
Jeremiah Zagar
Produção
Netflix
Onde assistir
Netflix
Elenco
Adam Sandler
Queen Latifah
Juancho Hernangomez
Ben Foster
Kenny Smith
Robert Duvall
Jordan Hull
Heidi Gardner
Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

André Zuliani

Repórter de séries e filmes. Viciado em cultura pop, acompanha o mundo do entretenimento desde 2013. Tem pós-graduação em Jornalismo Digital pela ESPM e foi redator do Omelete.

Ver mais conteúdos de André Zuliani

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal