FILMES E SÉRIES

Michael J. Fox

Divulgação/Paramount+

ÍCONE

Ex-astro do cinema e TV, Michael J. Fox revela motivo de sumiço

O ator Michael J. Fox, o Marty McFly de De Volta para o Futuro, revelou o motivo de ter sumido de produções para o cinema e TV

André Zuliani

Michael J. Fox, mais conhecido pelo papel de Marty McFly na trilogia De Volta para o Futuro, revelou o motivo de ter sumido de produções para o cinema e a TV. Diagnosticado com doença de Parkinson no início dos anos 2000, o ex-astro ainda tentou manter a carreira, apesar das complicações causadas pela doença, mas desapareceu de vez a partir de 2020.

Em entrevista ao podcast Working It Out, Fox confessou que precisou repensar a sua carreira como ator depois que o Parkinson evoluiu. Segundo ele, a doença começou a afetar a sua memória, o que o fez ter dificuldades para memorizar falas em papéis longos. Por causa disso, o astro passou a ser mais seletivo na hora de aceitar um novo trabalho.

“Quando fiz o spin-off de The Good Wife [2009-2016], a série The Good Fight, eu não conseguia me lembrar das falas. Me deu um branco. Eu simplesmente não conseguia me lembrar”, contou. Fox descreveu a experiência como “estranha” depois de se destacar na carreira por seu raciocínio rápido e desenvoltura para papéis enérgicos.

Para explicar sua atual situação, Fox relembrou seus tempos de Caras e Caretas (1982-1989), série que o tornou famoso e lhe rendeu três prêmios de melhor ator no Emmy entre cinco indicações.

“Em Caras e Caretas eles me davam o roteiro e eu apenas ia gravar. Eu sabia tudo em um instante e sempre foi assim. Eu recebi 70 páginas de roteiro para um filme de Brian De Palma e tinha uma sequência caríssima gravada apenas com Steadicam que dependia de eu saber minhas falas. Não caía uma gota de suor no meu rosto”, detalhou.

Em The Good Fight, no entanto, Fox disse que não conseguia mais alinhar seus diálogos. De acordo com o ator, ele sofreu do mesmo problema durante a sua participação em Designated Survivor (2016-2019), série estrelada por Kiefer Sutherland (24 Horas). Apesar da frustração em não conseguir mais atuar como antes, o eterno Marty McFly destacou que sua nova realidade não o abalou.

“Eram falas sobre o mundo jurídico, e eu simplesmente não conseguia mais fazer. Mas o que foi acolhedor para mim é que eu não entrei em pânico. Eu não surtei. Eu só pensei: ‘Bom, é isso. Vamos seguir’. Uma parte essencial desta área é o processo de memorizar suas falas, e eu não consigo fazer isso.”

“Eu não assumo algo com muitas falas porque não posso fazer isso. E por qualquer motivo, a vida é assim. Não consigo me lembrar de cinco páginas de diálogo. Eu não posso fazer isso. Não pode ser feito. Então eu vou à praia”, finalizou.

Após o sucesso em Caras e Caretas e De Volta para o Futuro, Michael J. Fox foi um dos grandes nomes de Hollywood entre os anos 1980 e 1990. Com cinco prêmios no Emmy em toda a carreira, ele ainda se destacou em séries como Spin City (1996-2002) e Boston Legal (2004-2008), e filmes como Os Espíritos (1996) e O Pequeno Stuart Little (1999).

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

André Zuliani

Repórter de séries e filmes. Viciado em cultura pop, acompanha o mundo do entretenimento desde 2013. Tem pós-graduação em Jornalismo Digital pela ESPM e foi redator do Omelete.

Ver mais conteúdos de André Zuliani

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal