FILMES E SÉRIES

Capa séries brasileiras

Divulgação

Séries brasileiras

De maconha liberada a epidemia: 5 séries brasileiras fora do óbvio

Há diversas ótimas produções nacionais dando sopa por aí, mas algumas delas acabam se perdendo na imensidão dos catálogos das plataformas de streaming

Rafael Argemon

Rafael Argemon

Séries brasileiras não são mais novidade. Já se foi o tempo em que o formato era “coisa de americano” e que aqui o bom eram as novelas. Ainda mais depois da absurda popularização das plataformas de streaming, que explodiu com a chegada da pandemia.

Não que as séries já não fossem produzidas no Brasil. A Globo investe no formato há décadas. Mas o boom do streaming ajudou a criar novos espaços para produções brasileiras além da gigante carioca. HBO, Netflix e até a Amazon entraram na jogada com força.

Uma quantidade tão significativa de produções brasileiras que temos até uma série de títulos que acabaram passando batido por grande parte do público. E que têm tanta qualidade quanto algumas séries já bem famosas, como Sob Pressão, Cidade Invisível, O Negócio, Coisa Mais Linda, entre outras.

Se você está afim de assistir uma série falada no bom e velho português, mas não sabe muito bem o que há de melhor disponível nas plataformas de streaming. Se liga só nesta listinha com cinco séries brasileiras que você não conhece, mas deveria:

Boca a Boca (2020 – )

Cena da série Boca a Boca

Trailer de Boca a Boca

Série retrata um grupo de jovens em meio a uma misteriosa epidemia

Com uma trama bem ao estilo dos livros da saudosa Coleção Vagalume, com as devidas atualizações, Boca a Boca é uma história de mistério, descoberta, experimentação e choque de gerações. Tudo retratado com muitas cores e brilho. Um universo já muito explorado na carreira de seu criador e diretor, Esmir Filho, que tem em seu currículo longas e curtas-metragens com temáticas semelhantes, como Saliva (2007) e Os Famosos e os Duendes da Morte (2009). A trama conta a história de um grupo de adolescentes em uma pequena cidade interiorana fictícia chamada Progresso, onde uma misteriosa doença transmitida pelo beijo começa a se alastrar entre os jovens.
Onde ver: Netflix

Feras (2019 – )

Cena da série Feras

Trailer de Feras

Produção da MTV brinca com os dilemas de um solteiro no mundo dos apps de namoro

Segunda série de ficção produzida pela MTV Brasil, Feras retrata o cotidiano de um grupo de amigos na faixa dos 30 e poucos anos sem se importar com tabus como sexo ou consumo de drogas. Nela, Ciro (João Vitor Silva) era praticamente casado com sua namorada até que ela termina com ele. De volta à solteirice, ele precisa se acostumar a um mundo que não conhece direito, o de aplicativos de relacionamento e redes sociais. Para isso, ele vai contar (ou não) com a ajuda de um grupo de amigos, os tais feras.
Onde ver: Globoplay

Manhãs de Setembro (2021 – )

Cena da série Manhãs de Setembro

Trailer de Manhãs de Setembro

Liniker estreia como atriz em um drama delicado e tocante

Primeiro trabalho da cantora e compositora Liniker como atriz, Manhãs de Setembro é perfeita para maratonar. São apenas cinco episódios com média de 30 minutos cada. Com direção de Luís Pinheiro e Dainara Toffoli, a série conta a história de Cassandra (Liniker), uma mulher trans que trabalha como motogirl de aplicativo durante o dia e canta covers de Vanusa em uma boate durante a noite. Até que, um dia, ela é surpreendida com a chegada de Leide (Karine Teles), com quem Cassandra teve um romance antes da transição, revelando que ela tiveram um filho, Gersinho (Gustavo Coelho).
Onde ver: Amazon Prime Video

Ninguém Tá Olhando (2019)

Cena da série Ninguém Tá Olhando

Trailer de Ninguém Tá Olhando

Comédia de Daniel Rezende conta a engraçada história de um anjo rebelde

Um tipo de versão engraçada do filme cult alemão Asas do Desejo (1987), Ninguém Tá Olhando é uma comédia deliciosa com pequenos momentos bem tocantes criada e dirigida por Daniel Rezende (diretor de Bingo: O Rei das Manhãs e dos novos filmes da Turma da Mônica). Nela, conhecemos os Angelus, seres alados que protegem os humanos. Os populares anjos da guarda. No entanto, eles precisam seguir uma série de regras de uma organização corporativista extremamente burocrática. Regras que são questionadas por um Angelus que acabou de ser criado: Ulisses (Victor Lamoglia). a série recebeu o Emmy Internacional de melhor série de comédia em 2020.
Onde ver: Netflix

Pico da Neblina (2019 – )

Cena da série Pico da Neblina

Trailer de Pico da Neblina

Série de Quico Meirelles imagina um Brasil em que o consumo de maconha foi liberado

Dirigida por Quico Meirelles (filho do cineasta Fernando Meirelles, de Cidade de Deus), Pico da Neblina se passa em uma realidade paralela em que o Brasil liberou a comercialização e uso recreativo da maconha. Uma péssima notícia para os traficantes, que vêm uma debandada da clientela, ávida por um produto de maior qualidade. Pensando nisso, Biriba (Luís Navarro), um jovem pobre da periferia paulistana, sonha em montar uma loja bacana para vender cannabis de qualidade. Porém, Salim (Henrique Santana), seu amigo de infância que está prosperando no tráfico, tem outros planos. Mas a proximidade com um cliente rico, o atrapalhado Vini (Daniel Furlan) pode virar o jogo para Biriba, que consegue o investimento que precisava de uma maneira que ele não imaginava.
Onde ver: HBO Max

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Rafael Argemon

Rafael Argemon

Rafael Argemon é criador do perfil O Cara da Locadora no Instagram e também assina uma coluna com o mesmo nome na Tangerina, onde indica as pérolas escondidas nas plataformas de streaming. Cinéfilo e maratonador de séries profissional, passou por Estadão, R7, UOL, Time Out e Huffpost. Apaixonado por pugs, sagu e jogos do Mario.

Ver mais conteúdos de Rafael Argemon

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal