FILMES E SÉRIES

Daveed Diggs e Jennifer Connelly em Expresso do Amanhã

Divulgação/TNT

FIM DA LINHA

Expresso do Amanhã é cancelada e tira TNT do mercado de séries

Expresso do Amanhã é vítima da fusão da WarnerMedia com a Discovery. Nova empresa quer cortar custos e manter só o que dá muito lucro

Luciano Guaraldo

A série Expresso do Amanhã será encerrada em sua quarta temporada, ainda sem previsão de estreia nos Estados Unidos. O cancelamento da atração baseada no filme de 2013 marca o fim das produções roteirizadas da TNT norte-americana. O canal exibiu séries muito elogiadas, como The Closer (2005-2012), Major Crimes (2012-2018) e The Last Ship (2014-2018).

“Confirmamos que Expresso do Amanhã vai chegar ao fim depois de uma passagem bem-sucedida e de várias temporadas na TNT”, disse um porta-voz do canal. “Seus roteiristas, atores e equipe talentosos pegaram uma ideia extraordinária e a trouxeram à vida de maneiras empolgantes. Ela foi aclamada pela crítica, teve um impacto significante no gênero pós-apocalíptico e agora ficará nos corações e nas mentes dos fãs.”

Segundo o Deadline, a quarta temporada está sendo gravada atualmente, mas o contrato do elenco estava prestes a expirar e não será renovado, liberando os atores para procurarem outros trabalhos. Expresso do Amanhã conta com nomes como Jennifer Connelly, Daveed Diggs e Sean Bean. Os novos episódios têm ainda Clark Gregg, o agente Coulson do Universo Cinematográfico da Marvel.

Atualmente, a TNT tem apenas duas produções roteirizadas em sua programação: Expresso do Amanhã e Animal Kingdom. A segunda estreia sua sexta e última temporada neste domingo (19). Com isso, apenas as aventuras dos passageiros do trem que transporta os poucos sobreviventes do mundo ficariam na grade. Após o anúncio do cancelamento, o canal encerra de vez sua incursão pelo mundo das séries, iniciada em 1996 com The Lazarus Man.

Nós últimos anos, a direção do canal já estava cortando os investimentos em ficção, mas a fusão da Warner Media com a Discovery acelerou esse processo. O chefão da nova empresa, David Zaslav, avisou que faria grandes cortes e que manteria apenas aquilo que dá lucro. Pelo visto, as séries roteirizadas não são a prioridade agora.

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

Luciano Guaraldo

Editor-chefe da Tangerina. Antes, foi editor do Notícias da TV, onde atuou durante cinco anos. Também passou por Diário de São Paulo e Rede BOM DIA de jornais.

Ver mais conteúdos de Luciano Guaraldo

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal