FILMES E SÉRIES

Ezra MIller

Divulgação/Warner Bros.

PROBLEMA NA JUSTIÇA

Ezra Miller: Ator de Flash é acusado de dopar e ameaçar menor de idade

Astro dos filmes da DC recebeu uma ordem de restrição para ficar longe da vítima

André Zuliani

Ezra Miller, intérprete do herói Flash nos filmes da DC Comics, foi acusado de dopar e ameaçar uma menor de idade com a qual mantém relação há muitos anos. Os pais de Tokata Iron Eyes, atualmente com 18 anos, protocolaram na Justiça uma ordem de restrição contra o ator para que ele fique longe da jovem.

Segundo os responsáveis por Tokata, Miller a conheceu em na reserva Standing Rock, na Dakota do Norte (EUA), quando a garota ainda tinha 12 anos. Os pais alegam que o astro deu drogas e álcool para sua filha enquanto a levava em viagens para Londres, Havaí, Califórnia e Nova York. Na época em que conheceu a vítima, o ator tinha 23.

“Ezra usa violência, intimidação, ameaças, medo, paranoia, delírios e drogas para dominar a jovem adolescente Tokata”, diz o texto protocolado na Corte e entregue a um juiz norte-americano.

“Ezra Miller tomou um gosto imediato e aparentemente inocente por Tokata Iron Eyes e começou a formular relações com a jovem; Ezra levou Tokata Iron Eyes e outros membros tribais de Standing Rock para Londres, Reino Unido em dezembro de 2017, quando Miller tentou dormir na mesma cama que Tokata Iron Eyes, que tinha 14 anos na época”, continua o texto do documento. Os pais da jovem ainda alegam que o ator foi “impedido de dormir na mesma cama que Tokata por um acompanhante”.

Entre os entorpecentes listados no documento como os usados por Miller para dopar a vítima estão LSD e maconha. Segundo os pais, o ator pagou pela faculdade de Tokata apenas para forçar a garota a obedecer suas vontades. Após a jovem largar o curso em dezembro de 2021, eles a encontraram na casa do astro de The Flash “sem documentos, cartões bancários, chaves ou qualquer coisa que a permitisse viver livremente”.

Na queixa, os pais de Tokata alegam que Miller está exibindo “comportamento de culto e psicologicamente manipulador e controlador” em relação à filha, bem como “comportamento abusivo clássico de violência contra um parceiro íntimo” e “comportamento sexual predatório”.

Após o caso vir a público, Tokata usou as redes sociais para dar a sua versão dos fatos. Segundo a jovem, Ezra Miller apenas lhe deu apoio após ela passar por momentos difíceis com a morte de um amigo pessoal.

“Abandonei a escola há cinco meses, meu amigo e camarada William morreu logo depois, minha mente foi incrivelmente impactada e precisei de espaço e tempo para processar do luto”, diz o início do comunicado.

“Meu camarada Ezra Miller apenas forneceu apoio amoroso e proteção inestimável durante esse período de perda. Meu pai e suas alegações não têm peso e são francamente transfóbicos, baseados na noção de que sou de alguma forma incapaz de pensamentos coerentes ou opiniões opostas às de meus pais preocupados com meu bem-estar. Agora estou ciente da gravidade da manipulação emocional e psicológica que tive de suportar enquanto estava na casa dos meus pais”, concluiu a jovem em seu texto.

Procurado pela imprensa, Ezra Miller não se manifestou sobre o assunto. Ele é aguardado para uma audiência no tribunal marcada para julho deste ano para tratar da restrição contra ele.

Confira abaixo o texto publicado por Tokata na íntegra:

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

André Zuliani

Repórter de séries e filmes. Viciado em cultura pop, acompanha o mundo do entretenimento desde 2013. Tem pós-graduação em Jornalismo Digital pela ESPM e foi redator do Omelete.

Ver mais conteúdos de André Zuliani

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal