FILMES E SÉRIES

Matthew Fox em Lost

Divulgação/ABC

DESAPARECEU

Matthew Fox explica por que se aposentou depois do sucesso de Lost

Um dos maiores fenômenos da TV nos anos 2000, Lost (2004-2010) transformou seu elenco em rostos conhecidos no mundo inteiro e gerou uma infinidade de séries com pegada parecida. Matthew Fox, intérprete de Jack Shephard, poderia ter se tornado um grande astro de Hollywood. Porém, ele preferiu se aposentar da atuação e levar uma vida […]

Luciano Guaraldo

Um dos maiores fenômenos da TV nos anos 2000, Lost (2004-2010) transformou seu elenco em rostos conhecidos no mundo inteiro e gerou uma infinidade de séries com pegada parecida. Matthew Fox, intérprete de Jack Shephard, poderia ter se tornado um grande astro de Hollywood. Porém, ele preferiu se aposentar da atuação e levar uma vida fora dos holofotes.

Neste domingo (19), o ator saiu do seu isolamento e apareceu no Festival de Televisão de Monte-Carlo para o lançamento do suspense Last Light, seu primeiro trabalho em oito anos –e primeira série desde o fim de Lost. Na conversa com jornalistas, ele explicou o motivo de seu sumiço.

“Eu meio que tinha uma lista de coisas que eu queria realizar durante a minha carreira e, depois que fiz Rastro de Maldade [2014], senti que tinha completado todas elas. Eu queria fazer um faroeste. O filme era estranho, mas era um faroeste. Então, eu meio que não tinha mais o que fazer”, disse Matthew Fox em entrevista compartilhada pela Variety.

“Naquela época, meus filhos estavam em uma idade em que eu precisava estar mais presente. Estava muito focado no trabalho, e Margherita [Ronchi, sua mulher] estava cuidando da família lindamente. Mas eu queria ficar mais em casa, e achei mesmo que estava me aposentando da atuação para focar em outros elementos criativos, como a música e a escrita.”

A possibilidade de assumir um novo posto em Last Light fez Matthew Fox pausar sua aposentadoria para riscar mais um item de sua lista de desafios a cumprir –um que ele sequer imaginava que tinha. “Comecei a pensar que eu queria ser produtor executivo de alguma coisa. Eu nunca tinha feito isso antes. A oportunidade de ocupar esse posto em Last Light surgiu, e eu decidi arriscar. Achei que era a hora certa”, justificou.

“Tudo foi se encaixando. Queria ver como me sentiria estando na frente das câmeras outra vez, atuando novamente. E foi surpreendentemente recompensador. E eu me senti muito bem, com um grupo incrível de pessoas, com o aspecto colaborativo de tudo, com o quanto a gente se entrosou e com o tanto que a gente acreditava no projeto. Acabou sendo uma experiência fantástica”, valorizou.

Será que o novo projeto abrirá portas para o retorno de Matthew Fox à atuação de vez? Em que tipo de projeto você gostaria de ver o eterno Jack de Lost?

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

Luciano Guaraldo

Editor-chefe da Tangerina. Antes, foi editor do Notícias da TV, onde atuou durante cinco anos. Também passou por Diário de São Paulo e Rede BOM DIA de jornais.

Ver mais conteúdos de Luciano Guaraldo

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal