FILMES E SÉRIES

T.I., Cardi B e Chance the Rapper em cena de Ritmo + Flow

Divulgação/Netflix

Netflix

Ritmo + Flow: O que a versão francesa pode fazer melhor que a original

A nova série pode evitar os erros do reality liderado por Cardi B na Netflix

Victor Cierro

Victor Cierro

Ritmo + Flow: França estreia nesta quinta-feira (9). E, olha, o novo reality tem uma responsabilidade imensa. A série chega para tomar o lugar da competição original liderada por Cardi B, Chance the Rapper e T.I. A pressão está sob os ombros da produção inédita. No entanto, os europeus podem aprender com os erros anteriores para elevar ainda mais o nível deste torneio musical.

Na versão original, Cardi B, Chance the Rapper e T.I. viajaram para Nova York, Chicago e Atlanta, respectivamente, em busca de participantes para a competição de rap. E, logo de cara, o Ritmo + Flow: França já pode fazer melhor que a versão original.

No torneio musical dos Estados Unidos, os artistas jurados escolheram apenas cantores norte-americanos. A nova versão de Ritmo + Flow pode fazer diferente. Por estar na Europa, a competição tem a chance de abrir portas para diferentes nacionalidades. Além de trazer mais diversidade para a série, a Netflix conseguiria atrair mais olhos para o produto.

Ainda no tópico internacional, a versão original de Ritmo + Flow teve um episódio especial, de feats, com participações de cantores famosos na indústria. No entanto, a série da Netflix trouxe apenas rappers dos Estados Unidos. Jhené Aiko, Miguel, Teyana Taylor, Ty Dolla $ign e Tory Lanez foram os escolhidos pela produção. E, até neste quesito, o streaming pode melhorar.

Então, para testar as habilidades dos competidores, a Netflix poderia expandir seu horizonte com cantores famosos do mundo inteiro. Além de lidar com o nervosismo de performar ao lado de alguém reconhecido internacionalmente, o participante também teria a necessidade de exibir seu talento fora do rap. Deste jeito, a série ficaria mais interessante para os assinantes da plataforma.

Adicionar uma nova etapa na competição francesa de rap também seria outra maneira de deixar Ritmo + Flow: França ainda mais cativante. Durante a série, o streaming deveria preparar um episódio especial fora deste gênero musical. Sendo assim, este capítulo irá mostrar a verdadeira capacidade dos participantes, além de agradar aos fãs de outros gêneros musicais.

Os erros de Ritmo + Flow

Ritmo + Flow teve duas falhas em sua estrutura. O primeiro foi a posição do episódio Clipes. No sétimo capítulo, os rappers precisaram criar uma canção inédita com um videoclipe da música. Desse jeito, o competidor teve de mostrar seu talento criativo, visual e até mercadológico. E, por conta disso, esta etapa deveria ser a penúltima do torneio, antes da grande final.

O segundo erro foi colocar, logo no início, os dois participantes mais carismáticos na mesma competição. Na versão original, Old Man Saxon tinha potencial para ir até a finalíssima de Ritmo + Flow. Mas, na terceira etapa, o rapper precisou enfrentar o talentoso D-Smoke. O resultado? Eliminação no quinto capítulo do reality.

Caso a Netflix faça essas mudanças, mesmo sem Cardi B e Chance the Rapper, o streaming pode atrair mais olhos para Ritmo + Flow: França do que a versão original dos Estados Unidos conseguiu. Assista abaixo ao trailer do novo reality de rap comandado por Niska, Shay e SCH:

Cena de Rimto + Flow: França

Trailer de Ritmo + Flow: França

Ritmo + Flow: França estreia nesta quinta (8) na Netflix

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Victor Cierro

Victor Cierro

Repórter da Tangerina, Victor Cierro é viciado em quadrinhos e cultura pop e decidiu que seria jornalista aos 9 anos. É o foca da equipe e cria da casa: antes da Tangerina, estagiou no Notícias da TV, escrevendo sobre filmes e séries.

Ver mais conteúdos de Victor Cierro

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal