FILMES E SÉRIES

Joseph Quinn

Divulgação/Netflix

QUERIDINHO DOS FÃS

Stranger Things: Conheça Joseph Quinn, o Eddie Munson da 4ª temporada

A quarta temporada de Stranger Things apresentou vários novos personagens que logo conquistaram um espaço no coração do público

André Zuliani

Disponível na Netflix desde a última sexta (27), o Volume Um da quarta temporada de Stranger Things apresentou vários novos personagens que logo conquistaram um espaço no coração do público. Entre os novatos, o que mais ganhou destaque foi Joseph Quinn, intérprete do roqueiro cabeludo e especialista em RPG Eddie Munson.

Quinn estreou como Eddie logo no primeiro episódio do novo ano. Repetente no colégio de Hawkins, ele é o líder do Clube Hellfire, grupo com o qual o trio Mike (Finn Wolfhard), Dustin (Gaten Matarazzo) e Lucas (Caleb McLaughlin) se reúne para jogar partidas de Dungeons & Dragons.

Embora faça o estilo rebelde e que pouco liga para a opinião dos outros, Eddie logo se mostra uma pessoa consciente e de bom coração. Principal fonte de drogas para os adolescentes da cidade, ele esconde um lado medroso e sensível por trás das respostas ousadas e atitudes questionáveis.

O que parte dos fãs não sabem é que, inicialmente, Eddie seria um dos vilões do quarto ano. Segundo Matt Duffer, cocriador da série ao lado do irmão Ross, a simpatia e o carisma de Joseph Quinn pesou na mudança de rota feita no roteiro.

“Ele é tão carismático que nós falamos: ‘Como não gostar do Eddie?'”, questionou. De acordo com Ross, a intenção dos produtores era colocar Eddie para criar uma rivalidade maior com Steve (Joe Keery).

O caminho até Stranger Things

Para conquistar o papel de Eddie, Quinn gravou dois vídeos caracterizado como o personagem para convencer os produtores de que era o nome certo para o papel. Antes mesmo de entrar no set, o ator britânico de 28 anos já incorporava o estilo do roqueiro de cabelos longos e jaqueta jeans típicas dos anos 1980.

Em entrevista à revista Vanity Fair, Quinn confessou ter ficado surpreso com a velocidade com a qual os irmãos Duffer o escalaram para o papel. Segundo o ator, bastaram apenas os dois vídeos; não foi necessário fazer testes com o elenco ou conhecer os criadores da série pessoalmente.

“Eles simplesmente meio que me deram [o papel], o que é ruim. Normalmente, as coisas são bem gladiatórias neste meio”, comentou Quinn.

Com mais de dez anos de carreira, o agora astro de Stranger Things ainda não estava na lista de principais nomes da indústria. Na Inglaterra, ele se revezou entre papéis sem destaque no cinema e na TV.

Formado na cultuada London Academy of Music and Dramatic Art, a mais antiga escola de teatro da Inglaterra, Quinn só foi aparecer em uma produção de alcance mundial em 2017. Ele foi selecionado para uma pequena participação na sétima temporada do fenômeno Game of Thrones (2011-2019). Na ocasião, ele interpretou um soldado da casa Stark e aliado de Sansa (Sophie Turner) e Jon Snow (Kit Harigton).

Mesmo estando em cena pela maior série da história da HBO, Quinn não acha que a oportunidade lhe preparou para o que ele viria a experenciar em Stranger Things.

“Acho que nada poderia me preparar para isso. Eu só fiquei dois dias [em Game of Thrones]. Claro que foi doido fazer parte de algo dessa escala, mas agora foi muito mais colaborativo. É como a diferença entre maças e laranjas”, descreveu.

Além de Game of Thrones, Joseph Quinn ainda atuou na minissérie Catherine the Great (2019), estrelada por Helen Mirren para a HBO, e em Les Misérables (2018-2019), produção da BBC inspirada no clássico livro escrito pelo autor francês Victor Hugo (1802-1885).

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

André Zuliani

Repórter de séries e filmes. Viciado em cultura pop, acompanha o mundo do entretenimento desde 2013. Tem pós-graduação em Jornalismo Digital pela ESPM e foi redator do Omelete.

Ver mais conteúdos de André Zuliani

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal