FILMES E SÉRIES

Troy Kotsur

Blaine Ohigashi/A.M.P.A.S.

Star Wars

Vencedor do Oscar Troy Kotsur cria língua de sinais para Star Wars

O ator é muito fã da saga e diz que foi o filme que o inspirou a ser ator

Gabriela Franco

Gabi Franco

O ator Troy Kotsur, que levou para casa o prêmio de melhor ator coadjuvante na cerimônia do Oscar do último domingo (27) por seu trabalho no filme No Ritmo do Coração, ajudou a Lucasfilm, produtora responsável por Star Wars, a desenvolver a língua de sinais do Tusken Raiders nas séries The Mandalorian e O Livro de Bobba Fett.

Kotsur conversou com o The Daily Moth sobre adaptar a ASL (língua americana de sinais) para a tribo fictícia do universo Star Wars, Tusken Raiders: “Eu pesquisei sobre a cultura e o ambiente dos Tusken Raiders nos filmes” disse Kotsur. “Pesquisei sobre o “povo da areia”. porque era assim que Luke Skywalker os chamava. De qualquer forma, meu objetivo era evitar a ASL. Eu me certifiquei de que se tornasse a Língua de Sinais Tusken com base em sua cultura e ambiente.” – complementou.

Tory Kotsur

O ator surdo Troy Kotsur na cerimonia do Oscar 2022

Divulgação/ A.M.P.A.S

O ator ainda falou  sobre suas esperanças para o futuro dos Tuskens e a língua de sinais sendo usada em produções audiovisuais daqui para a frente: “Espero que vocês continuem pedindo a  Disney+ para que usem mais língua de sinais na série. Espero que os produtores mantenham a mente aberta porque este é apenas o começo.” – disse o primeiro ator surdo a ganhar um Oscar.

Fã de Star Wars

Kotsur também é um grande fã de Star Wars. Em entrevista a uma rede de TV americana expressou seu amor pela série. Ele expressou seu amor pela franquia como um todo, mas também como o original foi o primeiro filme a inspirá-lo a ser ator.

“Então, imagine sentar no cinema sem poder ouvir nada. Mas o visual deste filme foi incrível. Eu vi as luzes disparando loucamente e os sabres de luz, as naves de guerra”, disse Kotsur. “Voltei ao cinema e assisti mais 28 vezes, e esse foi o primeiro filme que me inspirou. Fiquei fascinado com a fantasia e todos os personagens e isso realmente despertou meu interesse pelo cinema e me trouxe aqui até hoje.”

Troy disse que gostaria de fazer parte da série e estar envolvido de alguma forma, então ter ajudado na elaboração de uma língua de sinais para os Tuskens foi muito significativo pra ele: “Oh, fiquei emocionado”, disse Kotsur sobre fazer parte de The Mandalorian. Desde os oito anos, meu sonho era estar envolvido. Eles tinham tantos alienígenas e falavam todas essas línguas diferentes, então onde estava a língua de sinais que eu falava? E assim, tal qual um invasor Tusken, foi perfeito poder criar essa lingua de sinais para o povo do deserto.” – completou.

  • Assista The Mandalorian no Disney+

Veja como ficou a Língua de Sinais Tusken, criada por Kotsur

Negociando com Tusken Raiders

Troy ajudou a criar a língua exclusiva dos Tuskens

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Gabriela Franco

Gabi Franco

Editora de filmes e séries na Tangerina, Gabi Franco é criadora do Minas Nerds, jornalista, cineasta, mãe de gente, pet e planta. Ex- HBO, MTV, Folha, Globo… É marvete, mas até tem amigos DCnautas.

Ver mais conteúdos de Gabi Franco

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal