MÚSICA

Emicida participa do podcast Mano a Mano, apresentado por Mano Brown

Jef Delgado/Spotify

Lollapalooza Brasil 2022

Lolla: Planet Hemp e Emicida + Mano Brown vão substituir Foo Fighters

Organização do Lollapalooza anunciou que um show coletivo em homenagem a Taylor Hawkins vai substituir a apresentação cancelada do Foo Fighters no domingo (27)

Natalia Engler

Natalia Engler

A organização do Lollapalooza Brasil confirmou neste domingo (27) as atrações que vão substituir o Foo Fighters no palco Budweiser. Após a morte de Taylor Hawkins, em Bogotá, a banda norte-americana cancelou a turnê e o show no autódromo de Interlagos. No lugar de Dave Grohl, às 20h30 (horário de Brasília), o tributo a Taylor Hawkins terá Emicida com Mano Brown e outros convidados e, em seguida, Planet Hemp fecha a homenagem ao baterista do Foo Fighters.

A morte de Hawkins pegou a todos de surpresa. Dois dias antes do show em São Paulo, no Brasil, o baterista do Foo Fighters foi encontrado morto depois de uma overdose. A banda liderada por Dave Grohl cancelou o show no Lollapalooza, que aconteceria neste domingo (27), às 20h30.

A organização do Lollapalooza Brasil anunciou que Mano Brown e Ego Kill Talent participarão do show em tributo a Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters

A organização do Lollapalooza Brasil anunciou que Mano Brown e Ego Kill Talent participarão do show em tributo a Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters

Divulgação/Lollapalooza

A organização do Lollapalooza Brasil anunciou o line-up do tributo a Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters

A organização do Lollapalooza Brasil anunciou o line-up do tributo a Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters

Divulgação/Lollapalooza

Em suas redes sociais, o perfil oficial do Lollapalooza anunciou que Emicida vai cantar ao lado de Brown, Criolo, DJ Nyack, DJ KL Jay, Bivolt, Drik Barbosa, Rael e Ego Kill Talent. Emicida já tocou no sábado e também recebeu Rael, Drik Barbosa e outros convidados. Planet Hemp entra no palco na sequência;

O festival também informou que, após o shows, haverá “um tributo especial ao músico, um dos maiores bateristas de todos os tempos”, mas fez mistério sobre o que será essa homenagem.

Hawkins entrou para o Foo Fighters em 1996, depois de tocar na banda de turnê de Alanis Morrissete, e era muito próximo de Grohl. Ele tinha 50 anos.

Quer saber mais sobre o Lollapalooza? Confira o manual de sobrevivência do evento!

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Natalia Engler

Natalia Engler

Natalia Engler é editora-chefe da Tangerina. Jornalista, mestra em audiovisual pela ECA-USP e pesquisadora de gênero e cultura pop, passou por Omelete, UOL, Folha e Ansa. Do feminismo e do Carnaval.

Ver mais conteúdos de Natalia Engler

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal