FILMES E SÉRIES

Ryan Reynolds em cena de Deadpool & Wolverine; próximo filme da Marvel

Divulgação/Marvel Studios

Nova Estratégia

Marvel quer retornar para os tempos de glória com plano simples

Franquias, como dos X-Men, vão ser a prioridade da gigante de Hollywood para os próximos anos

Victor Cierro
Victor Cierro

A Marvel viu seu universo cinematográfico chegar no ápice em Vingadores: Ultimato (2019). Desde então, os filmes foram aos poucos declinando e os fãs criaram desinteresse pela gigante de super-heróis. A empresa decidiu decepar os Vingadores e apresentar novos personagens ao público, especialmente via séries –o que afetou a retenção de sua própria audiência. No entanto, o estúdio parece ter um plano para reverter a situação.

Em reunião com acionistas da Disney, o CEO da empresa, Bob Iger, revelou a estratégia para voltar aos tempos de glória da Marvel. “Eu diria que estamos nos inclinando um pouco mais para sequências e franquias”, explicou o chefão da empresa do Mickey Mouse. “Acho que, dado o ambiente e o que é necessário para tirar as pessoas de suas casas para ver um filme… apoiar-se em franquias que são familiares é, na verdade, uma coisa inteligente.”

Sendo assim, o estúdio deve parar com a fórmula dos últimos anos. Em vez de povoar o MCU (Universo Cinematográfico da Marvel), a empresa dos Vingadores vai focar em mais franquias. Desse jeito, o público consegue criar conexão com seus personagens favoritos e pode acompanhá-los durante anos nas telonas.

O discurso de Bob Iger não parece ter sido algo apenas para acalmar seus acionistas. Desde sua declaração, a Marvel divulgou o trailer de Deadpool & Wolverine e X-Men ‘97, além de ter anunciado o elenco do Quarteto Fantástico. A gigante da indústria cinematográfica deve, então, usar os mutantes como seu principal trunfo durante essa retomada.

Marvel e os X-Men

X-Men '97 - Wolverine e Ciclope

Wolverine e Ciclope na animação X-Men '97

Reprodução/Disney+

Os X-Men são super-heróis atemporais. Durante décadas, os fãs da Marvel viram a evolução dos mutantes dos quadrinhos para a animação e, em seguida, para a enorme franquia de filmes. No entanto, o público ainda não presenciou tudo o que a turma de Charles Xavier tem para oferecer.

Nos cinemas, a Marvel apresentou ótimas adaptações dos quadrinhos de Jack Kirby (1917-1994) e Stan Lee (1922-2018). Apesar das tramas intrigantes, o estúdio ainda não colocou os mutantes no mesmo universo de outros super-heróis da empresa. Assim, o poderoso time tem muito espaço para inovar suas histórias.

Agora, com o MCU estabilizado, Kevin Feige está pronto para apresentar os X-Men no mundo dos Vingadores. E, para não perder o timing, o presidente da gigante de Hollywood precisa apertar o botão logo e jogá-los no meio da confusão. A introdução dos mutantes pode facilmente entreter os admiradores dos quadrinhos. A chegada dos heróis deve trazer um frescor, além de mais variedades de histórias. Por se tratar de um grupo, os heróis podem ter suas tramas acompanhando diferentes personagens.

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Victor Cierro

Victor Cierro

Repórter da Tangerina, Victor Cierro é viciado em quadrinhos e cultura pop e decidiu que seria jornalista aos 9 anos. É o foca da equipe e cria da casa: antes da Tangerina, estagiou no Notícias da TV, escrevendo sobre filmes e séries.

Ver mais conteúdos de Victor Cierro

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?