Pico da Neblina usa maconha para expor problemas - Tangerina

FILMES E SÉRIES

Leilah Moreno e Luis Navarro em cena de Pico da Neblina

Divulgação/HBO

Segunda Temporada

Pico da Neblina usa maconha como pano para expor problemas

A segunda temporada da série nacional continua fantástica; trama aborda machismo e racismo na sociedade brasileira

Victor Cierro
Victor Cierro

Você já imaginou o Brasil com a maconha legalizada? A série nacional Pico da Neblina explora como a nossa sociedade lidaria com o comércio de cannabis liberado para uso recreativo. Mas, além de mostrar como esta realidade seria em terras tupiniquins, a trama usa a substância ilegal para expor grandes problemas, como o racismo estrutural e o machismo.

Na segunda temporada, que estreia neste domingo (3), Biriba (Luis Navarro) está sem saída. Depois de perder o controle da própria família, o protagonista também vê sua loja de maconha ser dominada pelo criminoso CD (Dexter). Com opções limitadas, o personagem de Navarro é sugado de volta para a vida no crime.

Em busca de soluções para seu problema, o protagonista da série original da HBO tenta desviar dinheiro. Mas, para realmente retomar o controle, Biriba precisa pedir a ajuda de velhos conhecidos, em uma tentativa arriscada de derrubar CD do poder. Salim (Henrique Santana) e Vini (Daniel Furlan) podem ser essenciais para o sucesso do amigo.

Durante os novos episódios, Pico da Neblina deixa claro o papel da maconha na história. A cannabis é usada para expor problemas graves da sociedade em pleno século 21. No segundo ano da trama, Biriba continua sofrendo com o racismo estrutural no Brasil.

Luis Navarro em cena de Pico da Neblina

Luis Navarro em cena de Pico da Neblina

Divulgação/HBO

Após receber uma tarefa de CD, o personagem de Navarro precisa visitar outra loja de maconha para descobrir mais informações sobre o negócio. No entanto, ao entrar no estabelecimento, Biriba é recebido pelo dono com certa resistência. E, logo de cara, Quico Meirelles, o diretor da série, deixa explícita a posição do homem racista.

Na segundo ano, o personagem de Dexter também é responsável por uma atitude preconceituosa. O traficante ignora o pedido da Kelly (Leilah Moreno) e manda dois comparsas seguirem sua namorada em uma festa. A realidade alternativa do Brasil com maconha legalizada é divertida, mas a solução para abordar os problemas da nossa sociedade é o que torna a trama fantástica.

A segunda temporada de Pico da Neblina estreia neste domingo (3) com episódios semanais no canal da HBO e no streaming HBO Max. Assista abaixo ao novo trailer:

Luis Navarro em cena de Pico da Neblina

Trailer de Pico da Neblina

O intérprete do Biriba na série nacional da HBO

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Victor Cierro

Victor Cierro

Repórter da Tangerina, Victor Cierro é viciado em quadrinhos e cultura pop e decidiu que seria jornalista aos 9 anos. É o foca da equipe e cria da casa: antes da Tangerina, estagiou no Notícias da TV, escrevendo sobre filmes e séries.

Ver mais conteúdos de Victor Cierro

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal