MÚSICA

Caetano Veloso Meu Coco

Divulgação/Fernando Young

Lista

De Yoùn a MC Cabelinho: Os 47 músicos que Caetano cita em Meu Coco

Em seu mais recente disco, astro baiano reverencia grandes nomes da música brasileira de ontem, hoje e amanhã; conheça todos eles

Luccas Oliveira

Luccas Oliveira

Caetano Veloso lançou Meu Coco, seu primeiro disco de inéditas em nove anos, em 2021. Aclamado pela crítica, o álbum vem ganhando o país desde abril, quando começou sua turnê nacional. No próximo fim de semana, ele aporta em São Paulo para três shows no Espaço das Américas. Depois, volta à cidade para tocar no Nômade Festival.

A ideia é seguir girando o Brasil ao longo do ano. Com isso, Caetano Veloso levará para frente um dos destaques de Meu Coco: as reverências que o gênio baiano faz a grandes nomes da música brasileira de ontem, hoje e amanhã. Além de citar astros gringos, como Billie Eilish.

No total, são 47 músicos citados por Caetano Veloso em Meu Coco. Dois deles surgem mais de uma vez e outro entra indiretamente —Finneas, irmão de Eilish. A Tangerina facilitou sua vida explicando quem é quem. Confira abaixo.

Meu Coco

Verso “Com Naras, Bethânias e Elis

Nara Leão – Cantora e compositora de MPB, uma das grandes vozes da música brasileira. Morta aos 47 anos, em 1989. Ganhou documentário biográfico do Globoplay, recentemente.

Maria Bethânia – Cantora e irmã de Caetano Veloso. Aos 75 anos, mantém-se como uma das maiores intérpretes da nossa música.

Elis Regina – Mais uma grande intérprete da MPB. Em janeiro, completou 40 anos de sua precoce morte.

Versos “João Gilberto falou/ E no meu coco ficou”

João Gilberto – Pai da bossa nova, criador de um estilo totalmente brasileiro de tocar violão, morreu em 2019.

Verso “Moreno, Zabelê, Amora, Amon, Manhã”

Moreno Veloso – Filho mais velho de Caetano Veloso, reconhecido por seu trabalho cantor, compositor e produtor musical. Tem 49 anos. Acompanhou Caetano no show Ofertório.

Verso “Irene ri, rirá, Noel, Caymmi, Ary”

Noel Rosa – Chamado de Poeta da Vila, o carioca foi um dos nomes mais importantes da origem do samba brasileiro.

Dorival Caymmi – Artista completo, baiano como Caetano, Dorival ajudou a criar o imaginário popular das paisagens e características do povo da Bahia.

Ary Barroso – Autor de Aquarela do Brasil, outro nome fundamental para o samba brasileiro.

Anjos Tronchos

Verso “Ouvimos Schönberg, Webern, Cage, canções”

Arnold Schönberg – Compositor austríaco de música clássica, famoso por criar o dodecafonismo.

Anton Webern – Também compositor austríaco, teve Schönberg como um dos mentores.

John Cage – Compositor norte-americano, foi um pioneiro de diversas vertentes da música, como a eletroacústica.

Verso “Miss Eilish faz tudo do quarto com o irmão”

Billie Eilish – Fenômeno da música pop, a cantora norte-americana compôs, gravou e produziu algumas das suas músicas mais famosas no quarto de casa, com o irmão Finneas.

Autoacalanto

Verso “Um quase lamento, já é nota de Tom e tem cor de jasmim”

Tom Veloso – Filho caçula de Caetano Veloso, cantor e compositor, também esteve no show Ofertório e fez parte da banda Dônica. Pai de Benjamim, homenageado por Caetano em Autoacalanto. A mãe do pequeno se chama Jasmine.

GilGal

Título da música GilGal

Gilberto Gil – Gênio da música brasileira e grande amigo de Caetano Veloso.

Gal Costa – Uma das maiores cantoras do país, também baiana assim como Gil, Caetano e Bethânia. Juntos, formaram o grupo Doces Bárbaros.

Estrofe “Vem de Pixinguinha a Jorge Ben/ Pousa em Djavans/ Wilson Batista, Jorge Veiga, Carlos Lyra/ E o imenso Milton Nascimento”

Pixinguinha – Maestro, um dos maiores compositores da música brasileira e fundamental para a formação do choro enquanto gênero musical.

Jorge Ben – Gênio, grande nome do samba rock, um dos maiores hitmakers do país.

Djavan – Outro grande hitmaker da música popular brasileira, em ativa assim como Jorge Ben.

Wilson Batista – Compositor de samba e autor de marchinhas clássicas do Carnaval brasileiro.

Jorge Veiga – Cantor e compositor de samba, carioca, conhecido nas gafieiras.

Carlos Lyra – Um dos pioneiros da bossa nova, cantor, compositor e violonista.

Milton Nascimento – Mineiro de coração, criador do Clube da Esquina e um dos músicos brasileiros mais reconhecidos fora do país. Completa 80 anos em 2022.

Verso “Mas sem chegar aos pés dos Tincoãs”

Os Tincoãs – Grupo baiano que deveria ter maior reconhecimento popular nos dias atuais, soube como poucos unir ritmos africanos e brasileiros, tendo o candomblé e a cultura do terreiro como guia. Mateus Aleluia era um dos integrantes.

Você-Você

Estrofe “Ary, Noel Tom e Chico/ Amália, blues, tango e rumba”

Ary Barroso e Noel Rosa supracitados.

Tom Jobim – Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim, um dos maiores compositores da MPB. Autor de Garota de Ipanema e grande parceiro de Vinicius de Moraes.

Amália Rodrigues – Ícone da música portuguesa, grande estrela do fado e atriz. Volta e meia é chamada de “A voz de Portugal”.

Sem Samba Não Dá

Estrofe “Anavitória, doce beijo d’onça/ Maravília Mendonça, afinação”

Anavitória – Duo de música pop/folk original de Araguaína (TO). Ficou famoso por vídeos na internet.

Marília Mendonça – Grande nome do sertanejo feminino brasileiro, fenômeno popular e uma das maiores vozes deste século. Morreu de forma trágica em 2021, aos 26 anos, num acidente aéreo.

Estrofe “Tem Ferrugem, Glória Groove, Maiara e Maraísa/ Yoùn, Yoùn/ Tem Djonga com Rogério/ MC Cabеlinho, tem Baco Exu do Blues/ Tem gеnte pra xuxu/ Tem Duda Beat, Gabriel do Borel/ Gabriel do Borel, Gabriel do Borel”

Ferrugem – Cantor de pagode carioca. Caetano Veloso é apaixonado por sua voz.

Glória Groove – Cantora, compositora e drag queen, fenômeno pop atual. Grande hitmaker.

Maiara e Maraísa – Irmãs que formam uma dupla sertaneja de imensa popularidade.

Yoùn – Duo de jazz e r&b da Baixada Fluminense, revelado ao tocar no trem e metrô do Rio de Janeiro.

Djonga – Rapper mineiro, grande compositor do Brasil contemporâneo.

Rogério – Podem ser muitos. Rogério Rosa toca violino em faixas de Meu Coco, por exemplo. E o violonista Rogério Caetano já tocou com Veloso.

MC Cabelinho – Cantor de funk carioca e ator. Estava na novela Amor de Mãe, da TV Globo.

Baco Exu do Blues – Rapper baiano, lançou Esú, um dos grandes discos do hip hop brasileiro da última década.

Duda Beat – Cantora pernambucana radicada no Rio de Janeiro. É conhecida por hits como Bixinho e por unir o pop com ritmos nordestinos.

Gabriel do Borel – O DJ e produtor carioca está por trás de um dos grandes hits de 2022, o remix de Sentadona, estrelado por Luísa Sonza. Ele também acumula trabalhos com Anitta, Livinho e outros.

Estrofe “Tz da Coronel/ Tem Hiran e Majur/ Tem Simone e Simaria sambando/ Simaria sambando, Simaria sambando/ Simaria sambando, Simaria sambando/ Tem Leo Santana e Mendonça”

Tz da Coronel – O MC é um dos destaques da união entre funk e trap, que mobiliza a nova geração de ouvintes através do TikTok. O jovem é natural de Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Hiran – Rapper baiano tem parcerias com Margareth Menezes, Linn da Quebrada e mais. Abertamente gay, ele ajuda a defender a bandeira queer no rap nacional.

Majur – Cantora trans baiana, ela ganhou atenção nacional ao cantar com Emicida e Pabllo Vittar no hit AmarElo, com sample de Belchior. Ela tem um disco lançado, o elogiado Ojunifé, de 2021.

Simone e Simaria – As irmãs baianas são grandes estrelas do sertanejo nacional. Antes, porém, elas ficaram famosas no universo do forró eletrônico.

Léo Santana – Do alto dos seus 2m de altura, o cantor baiano é um dos representantes da atual geração do pagodão baiano.

Noite de Cristal

Verso “A banda do Olodum”

Olodum – Bloco carnavalesco, ONG e escola de tambores afro-brasileiros sediada no Pelourinho, coração de Salvador (BA). Ficou mundialmente famosa pela aparição no clipe de They Don’t Care About Us, de Michael Jackson.

Verso “E pro Carlinhos Brown”

Carlinhos Brown – Percussionista, cantor e compositor baiano, surgiu nacionalmente como líder do grupo Timbalada. Antes, tocou com João Gilberto, Djavan e outros. Hoje, além de músico, está em programas de TV como The Voice.

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Luccas Oliveira

Luccas Oliveira

Luccas Oliveira é editor de música na Tangerina e assina a coluna Na Grade, um guia sobre os principais shows e festivais que acontecem pelo país. Ex-jornal O Globo, fuçador do rock ao sertanejo e pai de gatos, trocou o Rio por São Paulo para curtir o fervo da noite paulistana.

Ver mais conteúdos de Luccas Oliveira

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal