MIX

Amber Heard no Today

Reprodução/NBC

CONTRA JOHNNY DEPP

Amber Heard abre o jogo sobre julgamento: ‘Eu entendo o júri’

Amber Heard falou pela primeira vez na TV sobre sua derrota no processo movido por Johnny Depp por difamação

Luciano Guaraldo

Amber Heard falou com uma emissora de TV pela primeira vez desde sua derrota no tribunal para o ex-marido, Johnny Depp. Ela disse entender a decisão do júri, que tomou o lado do astro do Piratas do Caribe. “Eu não culpo os jurados. Na verdade, eu oss entendo. Ele é uma pessoa adorada, um ator fantástico, e as pessoas acham que o conhecem”, declarou.

A estrela de Aquaman deu entrevista para o matinal Today, da NBC, e a conversa será exibida nesta terça (14) e quarta (15), com um especial no horário nobre na sexta-feira (17). Trechos do bate-papo, no entanto, foram antecipados no programa desta segunda (13) e deram uma ideia do que está por vir.

“Eu não me importo com o que os outros pensam de mim, ou os julgamentos que você queira fazer sobre o que aconteceu na privacidade do meu lar, no meu casamento, atrás de portas fechadas. Eu não imagino que uma pessoa comum deva saber sobre essas coisas. Então eu não levo para o lado pessoal”, continuou Amber Heard.

Ela, no entanto, declarou que achou injusta a maneira como os dois lados do processo foram representados, especialmente nas redes sociais. “Mesmo que você tenha certeza de que eu mereço todo esse ódio, mesmo que você pense que eu estou mentindo, você jamais conseguiria olhar nos meus olhos e dizer que a internet fez uma representação justa [do que aconteceu]. Você não pode me dizer que foi justo”, resumiu.

Johnny Depp x Amber Heard

Johnny Depp venceu Amber Heard no julgamento do século em decisão divulgada no último dia 1º. O júri do caso confirmou que o ator foi difamado por Amber Heard em um artigo publicado em 2018 no qual ela revelava ter sido vítima de violência doméstica.

A vitória do eterno Jack Sparrow, no entanto, não foi completa: ele receberá “apenas” US$ 10,3 milhões (R$ 49,2 milhões) dos US$ 50 milhões (R$ 240 milhões) solicitados como indenização. Inicialmente, o júri havia definido que ela deveria desembolsar US$ 15 milhões (R$ 71,7 milhões), sendo US$ 10 milhões (R$ 47,8 milhões) para compensação de danos e os outros US$ 5 milhões (R$ 28,7 milhões) como medida punitiva.

A juíza Penney Azcarate, porém, prontamente baixou o valor punitivo para US$ 350 mil (R$ 1,6 milhão), teto máximo para indenizações do tipo no Estado da Virgínia, onde o julgamento ocorreu. A advogada de Amber Heard, Elaine Bredehoft, já afirmou que sua cliente não tem condições de pagar o valor estipulado.

Depp ainda terá de pagar US$ 2 milhões (R$ 9,5 milhões) para Amber em um contra-ataque movido pela equipe da atriz de Aquaman; ela também recebeu uma quantia muito abaixo da pedida, de US$ 100 milhões (R$ 480 milhões).

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

Luciano Guaraldo

Editor-chefe da Tangerina. Antes, foi editor do Notícias da TV, onde atuou durante cinco anos. Também passou por Diário de São Paulo e Rede BOM DIA de jornais.

Ver mais conteúdos de Luciano Guaraldo

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal