BTS: Gravadora pede ajuda de fãs contra 'difamação' - Tangerina

MÚSICA

BTS

Divulgação

Army unido

BTS: Gravadora pede ajuda de fãs contra ‘ataques e difamação’

Big Hit Music abriu queixa criminal contra postagens negativas e mentirosas nas redes sociais a partir de informações coletadas pelo Army

Lucas Almeida
Lucas Almeida

A Big Hit Music, gravadora e agência responsável pela carreira do BTS, anunciou que deu início a uma nova batalha contra “postagens maliciosas” nas redes sociais sobre o grupo. E ela conta com a ajuda dos fãs para a vitória.

A empresa divulgou um comunicado na plataforma Weverse revelando que tinha aberto “queixas criminais contra postagens com ataques pessoais e difamação” a partir de informações coletadas pelos fãs através das próprias atividades de monitoramento criadas pelo Army (como são conhecidos os apoiadores do grupo).

A inciativa foi anunciada cerca de duas semanas depois de o BTS divulgar que faria um “hiato”. A Hybe, grupo detentor da Big Hit Music, afirmou no dia seguinte que houve um erro de tradução. Os membros do grupo terão mais tempo para trabalhar nas carreiras individuais, mas não deixarão de ter os compromissos em conjunto.

Desde então, os fãs começaram a defender ainda mais intensamente o BTS de comentários negativos. Na última semana, eles se movimentaram depois que o presidente da Associação de Cantores da Coreia pediu que o grupo repensasse a decisão do hiato.

Mostrando empenho na nova batalha, a Big Hit usou o exemplo de uma pessoa que publicou insultos ao BTS no fórum sul-coreano DC Inside usando diversos endereços IP (código capaz de identificar a rede usada por cada usuário na internet).  

“Temos monitorado esses tipos de postagens e apresentamos queixas criminais contra todos os comentários maliciosos”, afirmou a gravadora. “Gostaríamos de informar que não podemos revelar todos os detalhes do conteúdo da reclamação para assegurar uma investigação adequada.”

De acordo com a Billboard, a difamação é uma acusação criminal na Coreia do Sul. A divulgação de fatos abertamente falsos pode resultar em uma pena de até sete anos de prisão. O código penal ainda prevê que casos em que as informações são verdadeiras, mas o acusado tem o objetivo de cometer difamação, podem gerar uma sentença de até três anos em regime fechado.

Apesar da onda de comentários recebida após o anúncio de hiato, os membros do BTS estão longe de estarem descansando. Recentemente, Jungkook fez uma participação na música Left and Right, de Charlie Puth, e J-Hop lançou More, primeiro single do seu álbum solo Jack In The Box, esperado para ainda este mês.

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Lucas Almeida

Lucas Almeida

Repórter. Passou pela MTV Brasil e Veja.com. É fã de um pop triste e não deixa de ouvir todos os lançamentos musicais da semana.

Ver mais conteúdos de Lucas Almeida

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal