MÚSICA

Conversa com Bial Papatinho: Produtor conta bastidores de gravação de Que Rabão

Globo/divulgação

Que Rabão

Papatinho: Faixa póstuma de Mr. Catra nasceu de áudios de WhatsApp

Produtor de Que Rabão revela que Anitta pediu a música para ela assim que ouviu a gravação: 'Na mesma hora, ela começou a escrever'

Luccas Oliveira

Luccas Oliveira

Entrevistado desta quarta-feira (15) do Conversa com Bial, na TV Globo, o produtor Papatinho contou bastidores inéditos da criação de Que Rabão. A música, única faixa em português do disco Versions of Me, é uma parceria póstuma entre Anitta e o ícone do funk Mr. Catra (1968-2018). Completam o time da gravação o MC Kevin O Chris, o rapper norte-americano YG e o próprio Papatinho.

O produtor revelou que foi visitar Catra no hospital. Lá, o funkeiro revelou ao amigo a vontade de gravar um trap —especialidade de Papatinho. Tempos depois da morte de Catra, por complicações de um câncer no estômago, alguns de seus 32 filhos procuraram o produtor e pediram para “fazer alguma coisa com as vozes do pai”.

Como fã, Papatinho sabia que talvez aquela seria a única oportunidade de fazer uma música de Mr. Catra, mesmo que póstuma.

“Achava que as vozes dele viriam limpinhas, mas na verdade não foi. Elas chegaram com áudio de WhatsApp, e a partir dali fui recortando, juntando as frases para fazer sentido”, disse Papatinho. “Mas sabia que tinha que colocar outros artistas para completar a música.”

Papatinho: Anitta compôs assim que ouviu os áudios

É aí que Anitta entra na história. Papatinho contou que um dia ela estava no estúdio dele, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, e ouviu o esboço de música quando foi gravar uma outra canção.

“Ela apertou meu braço bem forte e disse ‘deixa essa música comigo, por favor’. E, na mesma hora, começou a escrever, no estúdio mesmo”, lembrou o músico revelado pelo grupo de hip-hop carioca ConeCrew Diretoria.

“Foi muito legal que ela teve a sensibilidade de alternar as vozes dele com a dela, e trazer mais o Catra vivo, como se ele estivesse no estúdio. Acabou que as vozes do Catra no aplicativo viraram uma música com a Anitta, Kevin O Chris, e YG, um artista internacional”, completou Papatinho.

L7NNON também conversa com Bial

Papatinho divide a conversa com Pedro Bial com o amigo L7NNON. O dono do hit Desenrola, Bate, Joga de Ladin, que explodiu no TikTok, aproveitou para falar sobre a vida antes de triunfar no rap, quando ainda queria ser skatista.

“Eu andava de skate, mas sempre gostei de ficar rimando, e os amigos que rimavam comigo me perguntavam o porquê de eu não fazer música. Aí, um dia, eu tentei fazer uma música, gravei e quando vi o pessoal estava me convidando para participar de outros projetos”, relatou.

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Luccas Oliveira

Luccas Oliveira

Luccas Oliveira é editor de música na Tangerina e assina a coluna Na Grade, um guia sobre os principais shows e festivais que acontecem pelo país. Ex-jornal O Globo, fuçador do rock ao sertanejo e pai de gatos, trocou o Rio por São Paulo para curtir o fervo da noite paulistana.

Ver mais conteúdos de Luccas Oliveira

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal