Agente Oculto: Ryan Gosling dá show como Bond brutal - Tangerina

FILMES E SÉRIES

Ryan Gosling em cena de Agente Oculto

Paul Abell/Netflix

CRÍTICA

Agente Oculto: Ryan Gosling dá show de carisma como James Bond brutal

Dirigido por Anthony e Joe Russo, Agente Oculto estreia nesta sexta (22). Elenco também conta com Chris Evans, Ana de Armas e Wagner Moura

Luciano Guaraldo

Anunciado como uma resposta norte-americana ao britânico James Bond, Agente Oculto chega nesta sexta (22) à Netflix com uma missão muito clara: fazer jus ao orçamento de US$ 200 milhões (R$ 1,1 bilhão), o mais alto da história da plataforma, e dar início a uma franquia que prenda o público durante muitos longas. Com base no resultado apresentado neste primeiro capítulo, o objetivo foi alcançado!

A superprodução conta a história de Court Gentry (Ryan Gosling), um presidiário que é convocado para o projeto Sierra, da CIA. Liderado pelo misterioso Donald Fitzroy (Billy Bob Thornton), o grupo conta com criminosos que aceitam cumprir missões para as quais a organização não mandaria nenhum de seus agentes oficiais –uma espécie de Esquadrão Suicida, mas com pessoas um pouco menos insanas.

Só que, em uma dessas missões, Gentry é informado de que há um diretor corrupto na CIA. Ele decide limpar a sujeira na agência ao mesmo tempo em que precisa salvar uma pessoa muito importante para ele. Tudo isso enquanto é caçado pelo sociopata Lloyd Hansen (Chris Evans), que é capaz de qualquer coisa para conseguir sua cabeça.

Ryan Gosling dá show de carisma na pele do protagonista e se prova mais uma vez como um dos atores mais versáteis de sua geração. Ele consegue navegar com a mesma intensidade em musicais (La La Land), comédias (Amor a Toda Prova), dramas (Half Nelson: Encurralados) ou como o Ken no esperado longa da Barbie.

Em Agente Oculto, o canadense de 41 anos encara cenas de ação de tirar o fôlego, com perseguições em alta velocidade, lutas brutais muito bem coreografadas e planos de fuga de fazer inveja a MacGyver. Tudo isso sem abrir mão da graça nas dinâmicas bem-humoradas que seu personagem desenvolve tanto com a parceira, Dani Miranda (Ana de Armas), quanto com seu antagonista, Lloyd.

Gosling carrega a superprodução nas costas, mas Ana de Armas e Chris Evans também fazem bonito em seus respectivos papéis. Ela não aparece como interesse amoroso do protagonista e vai além do clichê da mocinha indefesa –pelo contrário, a cubana dá show e encara suas lutas com homens de igual para igual. Já o eterno Capitão América faz a festa como um vilão sem limites, com direito a bigodinho de cafajeste e até bordão.

Depois de produzirem o clímax do Universo Cinematográfico da Marvel com Vingadores: Guerra Infinita (2018) e Vingadores: Ultimato (2019), os irmãos Joe e Anthony Russo se tornaram diretores muito capacitados para comandarem uma superprodução como Agente Oculto. Eles levam o filme por diferentes países, dosando as sequências de ação com intriga na medida certa. E as cenas de luta, como já dito, são de outro nível –principalmente aquelas em que Gosling usa os objetos à sua volta como armas.

No fim das contas, Agente Oculto não vai mudar a história do cinema nem ganhar o Oscar de melhor filme no ano que vem. Mas é uma ação muito bem feita e que entretém do começo ao fim. Ou seja: entrega exatamente o que seu público está buscando.

O elenco conta ainda com Regé-Jean Page (Bridgerton), Jessica Henwick (Game of Thrones), Dhanush (3), Alfre Woodard (Luke Cage) e o brasileiro Wagner Moura (Tropa de Elite). A trama é baseada no livro The Gray Man, de Mark Greaney. Confira o trailer de Agente Oculto:

Chris Evans e Ryan Gosling em cena de Agente Oculto

Agente Oculto

Veja o trailer do filme com Ryan Gosling e Chris Evans

Pôster do filme Agente Oculto

Agente Oculto

Ação
14

Direção

Anthony Russo Joe Russo

Produção

AGBO Roth/Kirschenbaum Films

Onde assistir

Netflix

Elenco

Ryan Gosling
Chris Evans
Ana de Armas
Jessica Henwick
Regé-Jean Page
Wagner Moura
Julia Butters
Dhanush
Alfre Woodard
Billy Bob Thornton
Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ

Luciano Guaraldo

Editor-chefe da Tangerina. Antes, foi editor do Notícias da TV, onde atuou durante cinco anos. Também passou por Diário de São Paulo e Rede BOM DIA de jornais.

Ver mais conteúdos de Luciano Guaraldo

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal