AEW: As 5 melhores contratações de Tony Khan em 2022 - Tangerina

SOLTO NO RINGUE

Claudio Castagnoli na AEW, em sua estreia no Forbidden Door

Divulgação/AEW

CONTRATAÇÕES

De Claudio a Toni Storm: Os 5 melhores reforços da AEW em 2022

Veja quais foram as principais jogadas de Tony Khan nos bastidores da luta livre no primeiro semestre, encerrado na quinta-feira

Victor Cierro
Victor Cierro

2022 está sendo um ano maluco para a All Elite Wrestling, mais conhecida como AEW. Neste primeiro semestre, Tony Khan estabeleceu uma parceria com o NJPW, precisou lidar com lesões e criou uma nova atmosfera no universo da luta livre. Para tentar reunir o melhor elenco de lutadores possível e deixar seu produto ainda melhor, o CEO da empresa acertou diversas contratações no primeiro semestre.

Durante o Forbidden Door, no último domingo (26), Tony Khan adicionou mais um lutador para a sua lista de reforços em 2022. Claudio Castagnoli, mais conhecido como Cesaro no período que passou na rival WWE, estreou contra o britânico Zack Sabre Jr. com uma vitória decisiva. E ele nem teve tempo de descansar. No programa semanal da AEW, o suíço de 41 anos precisou fazer parte dos Blood & Guts contra a Jericho Appreciation Society, em nome do Blackpool Combat Club.

Com a conclusão do primeiro semestre de 2022 e a estreia impactante de Claudio no evento com o NJPW, a Tangerina decidiu listar as cinco melhores contratações da AEW neste ano. Veja quem surpreendeu nos ringues de Tony Khan!

5. Keith Lee

Keith Lee no pôster da AEW

Estreia de Keith Lee

Lutador apareceu na AEW em fevereiro de 2022

Keith Lee é uma aberração da natureza. O lutador desafia a gravidade com sua agilidade fora do normal. Os seus 154 quilos não o impedem de fazer acrobacias de tirar o fôlego. Você já tinha visto um homem desse tamanho se mexer igual ao multicampeão do NXT? Pois é, nem eu!

A introdução de Keith Lee na AEW foi fantástica. Além de mostrar sua capacidade aérea nos ringues, o lutador também exibe seu maior atributo: força física pura. Nos últimos meses, ele tem participado de confrontos de dupla com Swerve Strickland e até chegou a disputar os cinturões ao lado de seu parceiro.

4. Claudio Castagnoli

Claudio Castagnoli no pôster da AEW

Claudio Castagnoli já chegou na AEW como membro do Blackpool Combat Club

Divulgação/AEW

O suíço mal teve tempo de lutar na AEW e já está entre as melhores contratações da companhia em 2022! O motivo? O mar de possibilidades que ele proporciona. Sua força física, agilidade invejável e um combo de golpes empolgantes sempre deixam a torcida na beira dos assentos durante suas lutas.

Depois de não ser aproveitado decentemente na WWE, o antigo Cesaro chega na AEW como membro do Blackpool Combat. Liderada por William Regal, a facção formada por Bryan Danielson, Jon Moxley e Wheeler Yuta está dominando os ringues da empresa de Khan.

3. Toni Storm

Toni Storm no pôster da AEW

Estreia de Toni Storm

Veja como foi a primeira luta da atleta na AEW

Na WWE, Toni Storm recebeu torta na cara da então campeã Charlotte Flair. Mas, em poucas semanas na AEW, a lutadora voou alto e com prestígio. Na única luta feminina do Forbidden Door, a australiana desafiou a detentora do título, Thunder Rosa. E, apesar do resultado negativo, ela teve a oportunidade de brilhar em um grande evento interpromocional.

A chegada da australiana elevou o patamar da divisão feminina de lutadores na empresa fundada por Kenny Omega e pelos Young Bucks. Antes de passar pela WWE, Toni Storm já tinha vencido o Cinderella Tournament em 2017 na Stardom, uma das competições mais respeitadas no mundo do pro-wrestling.

2. Danhausen

Danhausen no pôster da AEW

Cuidado! Ou você pode ser amaldiçoado por Danhausen

Divulgação/AEW

No mundo da luta livre, a porradaria come solta. Entre uma série de lutas intensas e histórias intrigantes, o humor sempre vai ter um espaço no coração dos fãs. Depois de Orange Cassidy desempenhar este papel sozinho durante quase dois anos, a AEW contratou mais um alívio cômico: Danhausen.

Além de seu clássico bordão “very nice, very evil” (muito legal, muito diabólico, em tradução livre), Danhausen faz todo mundo rir com suas maldições. Seja nos bastidores ou no ringue, o homem de 31 anos tenta maldizer qualquer adversário que veja pela frente.

1. William Regal

William Regal no pôster da AEW

William Regal na AEW

Ex-lutador estreou na empresa em março deste ano

Antes da criação da AEW, em 2019, o NXT era o programa mais atraente no universo da luta livre. O motivo? William Regal fazia parte dele. O ex-lutador servia como uma autoridade nas telas da WWE. Mas, nos bastidores, o britânico ensinava qualquer jovem sobre a arte do pro-wrestling, além de movimentos técnicos e precisos.

No evento Revolution 2022, William Regal marchou dos bastidores para impedir o confronto entre Moxley e Danielson depois do toque do sino. A chegada do especialista em luta livre foi essencial para a criação do Blackpool Combat Club. No entanto, sua grande contribuição à AEW vai ser nos bastidores. Com este elenco de jovens formidáveis, o ex-lutador poderá guiar a próxima geração à glória.

Informar Erro
Falar com a equipe
QUEM FEZ
Victor Cierro

Victor Cierro

Repórter da Tangerina, Victor Cierro é viciado em quadrinhos e cultura pop e decidiu que seria jornalista aos 9 anos. É o foca da equipe e cria da casa: antes da Tangerina, estagiou no Notícias da TV, escrevendo sobre filmes e séries.

Ver mais conteúdos de Victor Cierro

0 comentário

Tangerina é um lugar aberto para troca de ideias. Por isso, pra gente é super importante que os comentários sejam respeitosos. Comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, com palavrões, que incitam a violência, discurso de ódio ou contenham links vão ser deletados.

Acesse sua conta para comentar

Ainda não tem uma conta?

Conteúdo fresco, direto da fruta

Quer ficar por dentro das notícias do mundo pop? É só assinar nosso conteúdo semanal